DOENÇAS e suas CAUSAS no EMOCIONAL

 


ACIDENTES: Raiva, frustração e rebelião

AMIGDALITE: Emoções reprimidas, criatividade sufocada.

ANOREXIA: Ódio ao externo de si mesmo.

APENDICITE: Medo da vida. Bloqueio do fluxo do que é bom.

ARTERIOSCLEROSE: Resistência. Recusa em ver o bem.

ARTRITE: Crítica conservada por longo tempo.

ATAQUES: Pensamentos negativos, quem não é feliz.

ASMA: Sentimento contido, choro reprimido, complexo de culpa.

BRONQUITE: Ambiente família inflamado. Gritos, discussões.

BEXIGA: Segurando a dor para si mesmo.

BRAÇOS: Emoções antigas

BULIMÍA: Ódio de si mesmo

CABEÇA: Culpa e Tristeza

CÂNCER: Mágoas e ressentimentos profundos, tristezas mantidas há tempos. 

COLESTEROL: Medo de aceitar a alegria.

CORAÇÃO: Infelicidade e falta de amor

COLESTEROL: Medo de aceitar a alegria.

DEDOS: Ego, raiva, medo, preocupação, perda e pretensão.

DERRAME: Resistência. Rejeição a vida.

DIABETES: Tristeza profunda.

DIARRÉIA: Medo, rejeição, fuga.

DOR: Culpa, medo de ser punido

DOR DE CABEÇA: Autocrítica, falta de autovalorização.

ENXAQUECA: Medos sexuais. Raiva reprimida. Pessoa perfeccionista. 

ESTÔMAGO: Dificuldade em assimilar novas idéias e novas experiências.

FIBROMAS: Alimentar mágoas causadas pelo parceiro.

FRIGIDEZ: Medo. Negação do prazer. Medo e culpa sexual.

GASTRITE: Incerteza profunda. Sensação de condenação.

GARGANTA: Medo das mudanças, dificuldade em falar e frustração. 

GENITAIS: Rejeição sexual.

HEMORROIDAS: Medo de prazos determinados. Raiva do passado.

HEPATITE: Raiva, ódio. Resistência a mudanças. 

IMPOTÊNCIA: Medo e inveja do próximo

INSÔNIA: Medo, culpa. 

JOELHOS: Inflexibilidade, ego, medo de mudanças. Orgulho ou humildade. 

LABIRINTITE: Medo de não estar no controle.

MÃOS: Pão duro (não gostam de gastar dinheiro).

MENINGITE: Tumulto interior. Falta de apoio. 

NÓDULOS: Ressentimento, frustração. Ego ferido.

OBESIDADE: Insegurança. 

ORELHA: Dificuldade em aceitar o que lhe é dito.

PELE (ACNE): Individualidade ameaçada. Não aceitar a si mesmo. Pessoas que possuem o poder sobre você.

PNEUMONIA: Desespero. Cansaço da vida.

PRESSÃO ALTA: Problema emocional duradouro não resolvido.

PRESSÃO BAIXA: Falta de amor em criança. Derrotismo.

PRISÃO DE VENTRE: Preso ao passado. Medo de não ter dinheiro suficiente.

PULMÕES: Medo de absorver a vida.

PÉS: Dificuldade em compreender a si próprio.

PERNAS: Medo de enfrentar as coisas novas do dia a dia.

QUISTOS: Alimentar mágoa. Falta evolução.

RESFRIADOS: Confusão mental, desordem, mágoas.

REUMATISMO: Sentir-se vitima. Falta de amor. Amargura.

RINITE ALÉRGICA: Congestão emocional. Culpa, crença em perseguição.

RINS: Crítica, desapontamento, fracasso.

SINUSITE: Irritação com pessoa próxima.

TIREOÍDE: Humilhação.

TUMORES: Alimentar mágoas. Acumular remorsos. Feridas antigas, tormento, não permite a cura. 

ÚLCERAS: Medo. Crença ou medo de não ser bom o suficiente. 

VAGINA: Machucada emocionalmente pelo parceiro.

VARIZES: Desencorajamento. Sentir-se sobrecarregado.

Curioso não? Por isso vamos tomar cuidado com os nossos sentimentos..... Principalmente aqueles, que escondemos de nós.